111 anos de atuação

Educação para a vida


A Obra Social São João Bosco, uma Organização da Sociedade Civil, sem fins lucrativos, atua na cidade de Campinas (SP), em três localidades distintas. As unidades de atendimento são divididas por Centros de Educação Infantil e Núcleos de Atendimento Socioassistencial.

Fundada em 1909, então como Externato São João – escola de ensino fundamental -, em 1994 teve o foco de seu trabalho alterado e passou a atender crianças, adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade social.
Hoje, a Obra atende 2.150 pessoas diariamente, na Educação Infantil, nas atividades desenvolvidas com crianças e adolescentes no contraturno escolar e nas oficinas de qualificação profissional oferecidas a jovens e adultos, disponibilizados gratuitamente.

Parte da Rede Salesiana Brasil de Ação Social, a Obra Social São João Bosco tem uma identidade única e o trabalho é desenvolvido por meio da Pedagogia Salesiana

Diretoria e Conselho

Obra Social São João Bosco

NÚCLEOS: CENTRO, VIDA NOVA E VILA TAUBATÉ
Utilidade Pública Estadual Decreto no. 52.066/07, de D.O.E. 16/08/2007.
Utilidade Pública Municipal. Lei no. 3.514, de 13/10/66, alterada pela Lei 12.015/04, D.O.M. de 30/06/2004.
CEBAS/ MEC DEFERIDO pela Portaria do D.O.U. n.o 159, de 29 de Março de 2019, em processo de Renovação.
CEAS 409/1942 • Inscrições dos Serviços Socioassistenciais no CMAS sob n.os 158 S a 162 S • Registro CMDCA no. 6

DIRETORIA

Conselho de Administração (2018-2022)

Padre Narciso Ferreira

Presidente do Conselho de Administração


Salário: não remunerado conforme Estatuto
Período: 02/05/2018 a 01/05/2022

Padre Marcos Sérgio da Silva

Conselheiro Eleito pelos Associados


Salário: não remunerado conforme Estatuto
Período: 02/05/2018 a 01/05/2022

Padre Roque Luiz Sibioni

Conselheiro Eleito pelo Conselho de Administração


Salário: não remunerado conforme Estatuto
Período: 02/05/2018 a 01/05/2022

Padre Vinícius Ricardo de Paula

Conselheiro Eleito pelos Empregados


Salário: não remunerado conforme Estatuto
Período: 02/05/2018 a 01/05/2022

Conselho de Administração (2020-2024):

Padre Ademar Pereira de Souza

Conselheiro Eleito pelos Associados


Salário: não remunerado conforme Estatuto
Período: 02/05/2020 a 01/05/2024

Padre José Adílson Morgado

Conselheiro Eleito pelo Conselho de Administração


Salário: não remunerado conforme Estatuto
Período: 02/05/2020 a 01/05/2024

Padre Aramis Francisco Biaggi

Conselheiro Eleito pelo Conselho de Administração


Salário: não remunerado conforme Estatuto
Período: 02/05/2020 a 01/05/2024

Padre Luís Otávio Botasso

Conselheiro Eleito pelo Conselho de Administração


Salário: não remunerado conforme Estatuto
Período: 02/05/2020 a 01/05/2024

Conselho Fiscal da Organização Social:

Histórico da OSSJB

Obra Social São João Bosco

  • 1897Chegada dos Salesianos a Campinas

    Chegando ao oeste paulista no município de Campinas, na segunda metade do século XIX, os Salesianos, deparam-se com uma situação díspar, se por um lado a cidade apresentava desenvolvimento pujante, por conta do crescimento da economia cafeeira, por outro sofria com o temível surto de febre amarela que culminou com a fuga dos ricos e poderosos da cidade restando apenas, órfãos, ex-escravos e migrantes. Neste mesmo ano, Dom João Batista Correia Nery, entrega aos salesianos a gestão do Liceu Nossa Senhora Auxiliadora, construído em 1895 para amparo dos pobres e órfãos decorrentes da febre amarela.
  • 1905Os salesianos compram o casarão da família Estanislau de Campos Salles 1905

    O Liceu de Artes e Ofícios no bairro Guanabara, que oferecia aos jovens ensino profissionalizante, não prosperou, pois, era distante do centro da Cidade. Neste mesmo período a tradicional família Estanislau de Campos Salles foi uma das que deixaram a cidade buscando fugir da epidemia e sua residência, o casarão situado à Rua José Paulino, número 479, no centro de cidade, foi vendido aos salesianos no ano de 1905.
  • 1909Fundação do Externato São João

    A solução encontrada pela Congregação foi migrar o para o casarão da Rua José Paulino, porém a ideia inicial de transferir as oficinas do Liceu, não aconteceu, pois neste mesmo ano o governo abriu em Campinas um instituto profissional muito bem aparelhado, tornando-se um grande concorrente. Naquele prédio construíram, então, um externato de ensino primário, um oratório festivo e uma capela pública. Nascia o Externato São João cuja pedra fundamental foi lançada em 1909, recebendo este nome em homenagem ao benfeitor Dom João Batista Corrêa Nery.
  • 1970O Externato São João torna-se referência

    Desde sua fundação, o Externato tinha como proposta ajudar os jovens meninos desabrigados da região central do município, ensinando-lhes um ofício e ofertando formação escolar. Durante a década de 70 já havia se consolidado como uma tradicional escola de Campinas e tornou-se então particular, cobrando mensalidade, mas não deixou de atender aqueles que mais necessitavam com bolsas de estudos.
  • 1974Expansão do Externato São João

    Neste ano, no bicentenário da cidade de Campinas, no dia 25 de a gosto, foi lançada a primeira pedra de ampliação do Externato com a construção de novas salas de aulas. Então, a partir de 1980 o Externato passa a atender também crianças na educação infantil. E na década de 90, incorpora o ensino misto e inicia seu trabalho, agora com as meninas.
  • 1994Nasce a Obra Social São João Bosco - Núcleo São João Batista

    Com o agravamento da situação socioeconômica e a pedido da própria municipalidade, o Externato muda sua proposta, deixa de ser uma escola particular, para atender as crianças que perambulavam no centro da cidade expostas à violência ou desprotegidas em seus direitos, tornando-se então, a princípio, um albergue noturno que acolhia 20 jovens. Ao final do ano de 1994 já atendia cerca de 120 jovens no projeto socioeducativo além, dos 20 adolescentes do albergue. No aniversário de 10 anos desse trabalho social exercido pelo Externato São João, em 2004, muda de nome e passa a ser reconhecido pelo nome de seu idealizador, Obra Social São João Bosco. Hoje esta unidade da Obra recebe o nome de Núcleo São João Batista e, em parceria com Secretaria Municipal de Assistência Social, Direitos Humanos e Pessoa com Deficiência, atende 120 crianças de 06 a 14 anos além de 300 jovens e adultos em oficinas profissionalizantes.
  • 1998

    O bairro Vida Nova nasceu na década de 1990 e, como todo início, tinha suas dificuldades: sem asfalto, sem serviços públicos e as devidas estruturas. O bairro era marcado por desemprego o que, consequentemente, trouxe à região violência e criminalidade. Vendo esta demanda na cidade, os Salesianos iniciaram seus trabalhos no bairro em 1996, à princípio como Oratório em um terreno baldio. Aos poucos as atividades foram aumentando com grupo de pais e catequese. Em 1998 foi adquirido o terreno onde hoje é o Núcleo Dom Bosco que, atualmente, oferece o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos para 360 crianças e adolescentes de 6 a 14 anos, bem como oficinas de qualificação profissional à 210 jovens e adultos.
  • 1999

    Devido à demanda da Região do Parque Oziel, outrora região de ocupação com vulnerabilidade socioeconômicas severas, a Associação dos Moradores do Bairro e a pedido do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), iniciou-se o trabalho educativo com os jovens expostos a situações de risco. A fim de criar vínculos com a comunidade, no primeiro semestre de 1999, uma educadora social realizava trabalhos através de visitas domiciliares com o objetivo de formar grupos de adolescentes e de pais. O trabalho não tinha uma sede e ocupava os espaços que a comunidade disponibilizava. A Obra Social São João Bosco instalou-se no Parque Oziel no mesmo ano, em espaço cedido pela Associação de Moradores do Bairro, iniciando os serviços com atividades socioeducativas. No entanto, as atividades no complexo “Parque Dom Bosco” na Gleba B iniciaram-se somente no ano de 2007 e a inauguração oficial ocorreu no dia 02 de março de 2008. O então chamado Núcleo Nossa Senhora Auxiliadora é uma das oito atende, atualmente, 180 crianças e adolescentes residentes na Vila Taubaté, e suas proximidades: Parque Oziel, Monte Cristo, Jd. Do Lago Continuação, Nossa Senhora de Lourdes, Jd. Caraí. Aos domingos, há a celebração de Missa, catequese e Oratório, atendendo noventa crianças, adolescentes e suas famílias.
  • 2008Expansão do trabalho com educação infantil - CEI Prof. Darcy Ribeiro

    A ação pastoral assumida pelos salesianos no bairro Vida Nova, já realizado desde 1998 pelo Núcleo Dom Bosco, foi ganhando força e trazendo benefícios à comunidade. No dia 15 de março de 2008, através do modelo de gestão com base na parceria entre poder público municipal e organizações da sociedade civil, nasce o Centro de Educação Infantil Prof. Darcy Ribeiro. Hoje o CEI Prof. Darcy Ribeiro atende, aproximadamente 500 crianças de 0 a 6 anos em período integral e parcial. O centro de educação infantil fortaleceu a presença salesiana no bairro Vida Nova tornando-se uma das principais ferramentas de enfrentamento às situações de vulnerabilidade, colaborando com o desenvolvimento da região.
  • 2008OSSJB e a Educação Infantil - CEI Dombosquinho

    O Centro de Educação Infantil Dombosquinho está localizado na região central do Município de Campinas, no mesmo quarteirão em que se encontra o Núcleo São João Batista, antigo Externato São João. Foi inaugurado em 25 de janeiro de 2008, com o objetivo de auxiliar as famílias que trabalham região Central de Campinas e têm, por isso, dificuldade de matricular seus filhos nas creches e escolas do bairro de origem. O trabalho na Educação Infantil veio complementar a ação educativa que já se realizava com crianças, adolescentes e jovens a partir dos seis anos de idade, mostrando que, educando para os valores desde a mais tenra idade colhem-se muitos bons frutos por toda a vida. Atualmente o Centro de Educação Infantil Dombosquinho atende 90 crianças de 03 a 06 anos, em período integral.
  • 2010Novos Territórios - Núcleo Santa Rita

    Os Salesianos chegaram ao Jardim Dom Gilberto através de um movimento da comunidade para que eles se instalassem no território. Pe. Marcelo, pároco da época, grande admirador de Dom Bosco trabalhou em favor dessa parceria. Iniciaram o trabalho com o projeto PRONASCI, um programa do Ministério da Justiça, com o espaço cedido pela Igreja Santa Rita de Cássia. Após o término deste projeto, a Obra Social deu continuidade ao trabalho através de Cursos Profissionalizantes promovidos em parceria com o CEPROCAMP e continuou atendendo os jovens da Comunidade. Em 2011, percebendo o grande interesse da Comunidade para que o atendimento fosse estendido às crianças e adolescentes, a Unidade passou a oferecer o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos para crianças e adolescentes de 06 a 14 anos e 11 meses. O Núcleo atendeu 180 crianças, jovens e suas famílias, porém teve suas atividades encerradas em 13 abril de 2018.
  • 2011Novos Territórios - Núcleo São Domingos Sávio

    Fundado em agosto de 1997 pela Seara Espírita Joanna de Angelis com o nome “Núcleo Espírita Jerônimo de Mendonça”, esta Instituição atendia às crianças da região do Campo Belo e adjacências realizando um trabalho de qualidade em favor da população. Em 15 de julho de 2011, a Obra Social São João Bosco foi convidada pela Secretaria Municipal de Cidadania Assistência e Inclusão Social de Campinas para assumir o trabalho nesta unidade, uma vez que o Núcleo seria fechado se não houvesse nenhuma Entidade disposta a assumi-lo, o que deixaria cerca de 100 crianças sem atendimento. Assim, foi realizado entre as partes, Seara Espírita e OSSJB, um Instrumento Particular de Comodato referente ao período de 5 anos, formalizando a transferência do trabalho para responsabilidade da Obra Social. Com a mudança, mudou também o nome desta Unidade, que passou a se chamar Núcleo São Domingos Sávio, em homenagem ao Santo adolescente que é modelo de vida e santidade par toda a juventude. Esta unidade atendeu 180 crianças e adolescentes residentes na região do Campo Belo, porém encerrou suas atividades em 20 de dezembro de 2018.
  • 2016A Obra Social São João Bosco não para de fortalecer e qualificar seus serviços - CEI Prefeito Francisco Amaral

    No ano de 2014 a OSSJB venceu o processo de chamamento público promovido pela Prefeitura Municipal de Campinas, para cogestão do Centro de Educação Infantil do bairro Parque Oziel. Entretanto, em 2015 esse processo foi cancelado devido a uma nova legislação que altera de Termo de convênio para contrato de gestão. No mesmo ano a OSSJB precisou se qualificar como Organização Social para concorrer novamente e assim venceu o contrato para gerenciamento. Nasce então, no dia 28 de Abril de 2016, o Centro de Educação Infantil Pref. Francisco Amaral. Fortalecendo a presença salesiana em uma das regiões de maior vulnerabilidade do município, atuando em parceria com Núcleo Nossa Senhora Auxiliadora, presente no bairro desde 1998. Atualmente oferta educação infantil de qualidade à mais de 370 famílias com crianças de 0 a 06 anos.
  • 2019A Obra Social São João Bosco celebra 110 anos de Fundação

    O ano de 2019 teve para a Obra Social São João Bosco um significado muito especial, pois foi marcado pela comemoração dos 110 anos de fundação da Instituição, que há mais de um século segue sendo referência para muitas famílias, seja na área da educação seja na área socioassistencial. Ao longo de um ano inteiro de festividades, foi possível relembrar os pilares sob os quais está fundamentada a Instituição e que constituem há tantos anos a base sólida que sustenta o crescimento, a qualidade do trabalho e o compromisso com a transformação social até os dias de hoje: razão, religião e amorevolezza (bondade).